home


Mensagem


PÉTALAS


Give me your idea


Arquivo


Theme
Pétalas
Victória, 16.


282 Trecho:

romarias:

eu te amo como quem entende o grito estridente do adeus, mas se faz surdo para ele e prefere ouvir a tua voz, e prefere ficar, porque conhece e sabe que o amor é um absurdo inexplicável - que me perdoe os poetas; as tentativas de explicar o amor é falho porque o amor engole todas aquelas palavras que ficam em colisão em três eixos: borboletas insistentes, coração e garganta num ritmo frenético - pois o amor está também naquelas gotículas de suor e no som do solo da guitarra da canção sobre um amor tão dilacerante como heroína: amortecido, amor tecido, amor ter sido: às metáforas, aos sopros, aos desesperos, aos suspiros, às lágrimas, à sensação mais gostosa e consumidora.

eu te amo amando. somente assim.

 Carol Souza

1005
Provisoriamente não cantaremos o amor,
que se refugiou mais abaixo dos subterrâneos.
Cantaremos o medo, que esteriliza os abraços,
não cantaremos o ódio porque esse não existe,
existe apenas o medo, nosso pai e nosso companheiro,
o medo grande dos sertões, dos mares, dos desertos,
o medo dos soldados, o medo das mães, o medo das igrejas,
cantaremos o medo dos ditadores, o medo dos democratas,
cantaremos o medo da morte e o medo de depois da morte,
depois morreremos de medo e sobre nossos túmulos nascerão flores amarelas e medrosas.
Carlos Drummond de Andrade 

(Source: sereno)


25155
“Eu sou uma eterna apaixonada por palavras, música, e pessoas inteiras. Não me importa seu sobrenome, onde você nasceu, quanto carrega no bolso. Pessoas vazias são chatas e me dão sono. Gosto de quem mete a cara, arrisca o verso, desafia a vida. Eu sou criança. E vou crescer assim.”

Clarice Lispector.  

(Source: vigorei)

6

8729
Me dê noticia de você
Eu gosto um pouco de chorar
A gente quase não se vê
Me deu vontade de lembrar.
Chico Buarque.  

(Source: a-rosa-do-chico)


247298

(Source: marcojoceph)


2967

32175

(Source: a-r-s-e-n-i-c-o)


684 anjoinverso:

Solaris (1973), Andrei Tarkovsky

anjoinverso:

Solaris (1973), Andrei Tarkovsky


79 brazilwonders:

Rua Augusta - São Paulo

brazilwonders:

Rua Augusta - São Paulo


1 2 3 4 5 »
Theme:
SILENCIAR